Mais de 250 aprovações na UnB, Unicamp, FUVEST, UFRJ e outras

“Parabéns a cada um dos 256 aprovados nas principais universidades do país! Vocês são merecedores e tenho certeza que continuarão a trilhar um caminho de sucesso e significado na vida de vocês! Contem sempre com a gente!”, comemorou Natália Rocha, Diretora Pedagógica do Sigma, no início da celebração aos alunos aprovados. No dia 4 de fevereiro, estudantes, familiares e professores se reuniram na unidade da 912 Sul para festejar a aprovação dos jovens na Universidade de Brasília (UnB) e em outras universidades do Brasil.

Ao todo, foram 144 aprovações em diversas universidades do Brasil pelo Sisu/Enem e 130 pelo PAS/UnB, além de 5 aprovações na Fuvest e na Unicamp, só no primeiro semestre deste ano. Ademais, 52 alunos do Sigma foram os primeiros colocados nos cursos de Engenharia Química, Medicina Veterinária, Engenharia de Produção, Letras, Ciências Políticas, Serviço Social, Ciência da Computação, Comunicação Social, Matemática, Engenharia Elétrica, Artes Visuais, Design, Engenharia de Computação, Engenharia Mecânica, Psicologia, Ciências Econômicas, Gestão de Políticas Públicas, Filosofia, Estatística, Engenharia Mecatrônica, Engenharia de Controle e Automação e outros.

Com os rostos coloridos com tinta, os alunos foram recebidos pelos diretores, coordenadores e professores com muita festa.  Foi um momento para os jovens se reencontrarem com os amigos e mestres. Além disso, os estudantes também tiveram a oportunidade de apreciar uma recepção preparada especialmente para eles, com música e um espaço para tirar fotos.

Eduardo Taro, aprovado no curso de Relações Internacionais da UnB, aproveitou o momento para agradecer pelo suporte que recebeu do Sigma durante os oito anos em que estudou na escola. “O Sigma forneceu um espaço onde nós tivemos um desenvolvimento acadêmico muito bom, os professores são bem capacitados. Acredito que sem eles nós não estaríamos na posição que estamos hoje. Então é gratificante poder voltar e agradecer”, conta.

Aprovado em Sistemas de Informação na Universidade de São Paulo (USP) e em Engenharia de Computação na UnB, Sérgio Freitas também destacou o trabalho do Sigma no desenvolvimento integral do aluno, capacitando-o para atingir o seu potencial e assim alcançar grandes resultados. Segundo o jovem, a escola oferece uma estrutura de ensino completo. “São projetos extracurriculares como Afterclass, SigMaker, Sigma-Múndi, entre outros. E todos oferecem a chance de o estudante pôr em prática o conhecimento adquirido em sala de aula”, afirma.

Para Luana Viana, aprovada em Letras – Português na UnB, a festa não foi um adeus, e sim um até breve.  Emocionada, a aluna conta que sempre se sentiu muito inspirada pelos professores do Sigma e que a sua próxima meta é voltar como uma das docentes da escola. “Quero ser professora de Literatura e, se tudo der certo, vai ser aqui no Sigma”, sonha. Luana conquistou o primeiro lugar geral no curso que escolheu e, para isso, precisou de muita dedicação. “A gente não espera um resultado desses, mas eu estudei todos os dias do ano. Meu objetivo era tirar a maior nota”, relata.